Siga-nos

Você viu?

24

Tempo estimado para a leitura: 2minuto(s) e 3segundo(s).

Impressionantes e belos: museus subaquáticos como você nunca viu (VÍDEOS)

A Sputnik apresenta as mais impressionantes e diversas exposições de museus subaquáticos espalhados pelo mundo.

ubiie Redação

Publicado

em

Museus subaquáticos surgiram através do trabalho de escultores e mergulhadores locais. No entanto, às vezes, são evidências históricas de trágicos eventos que ocorreram há centenas de anos.

Para visitar estes locais será necessário mergulhar a grandes profundidades, sendo assim, resolvemos facilitar essa tarefa através de uma excursão virtual.

Museu Atlântico

O Museu Atlântico, inaugurado em 2017, está localizado próximo às ilhas Canárias, na Espanha. É possível encontrar uma coleção de dezenas de estátuas, há aproximadamente 12 metros de profundidade.

Além da exposição principal dedicada aos problemas da sociedade moderna, o museu também abriga exposições temporárias.

Beco dos Líderes

Este museu subaquático surgiu há aproximadamente três décadas e está localizado na Crimeia, sendo um museu muito popular entre mergulhadores.

Mais precisamente, o Beco dos Líderes está localizado na costa do mar Negro, em Tarkhankutsky, na Crimeia. O museu foi criado em 1992 pelo mergulhador Vladimir Borumensky.

Inicialmente, contava apenas com esculturas de líderes soviéticos (ou fragmentos de monumentos), porém, no decorrer dos anos, foram acrescentados bustos de heróis soviéticos e figuras conhecidas da arte e cultura nacional.

Uma vez por ano mergulhadores realizam uma limpeza geral no museu.

MUSA

O Museu Subaquático de Arte (MUSA), localizado na costa do México, possui mais de 500 esculturas permanentes, de tamanho natural.

Além disso, é uma das maiores atrações da arte artificial subaquática do mundo. Para visitar o local não é necessário mergulhar profundamente, pois a visita pode ser realizada através de um barco com fundo de vidro.

Caminho do Naufrágio

Alguns museus subaquáticos surgiram de maneira natural, como é o caso do Caminho do Naufrágio, localizado nas águas do arquipélago norte-americano de Flórida Keys.

O barco mais antigo naufragado na costa da Flórida afundou no século XVIII, enquanto que o mais recente naufragou durante a Segunda Guerra Mundial.

Parque Arqueológico Subaquático da Baía

A Itália conta com seu próprio parque arqueológico subaquático, que se trata da antiga cidade das Baías, localizado nas proximidades da costa de Napoli.

Diferentemente da lendária Pompeia, esta cidade não desapareceu rapidamente, mas foi abandonada por seus habitantes e submergiu aos poucos.

Além das estátuas, os mergulhadores podem observar belos mosaicos no fundo do mar.

0
0
Clique para comentar
Publicidade

Você viu?

Ginasta austríaca surpreende internautas com contorcionismo bizarro (VÍDEO, FOTOS)

A ginasta austríaca de 26 anos Stefanie Millinger posta frequentemente imagens em sua conta do Instagram mostrando suas impressionantes qualidades acrobáticas e ganhando milhares de visualizações.

ubiie Redação

Publicado

em

A última de suas publicações chamou ainda mais atenção devido a ser feita no assento de um avião.

Para muitas pessoas, viajar de classe econômica nas companhias aéreas pode ser uma experiência muito desconfortável, principalmente por causa da falta de espaço para as pernas e braços. Enquanto os médicos recomendam uma “passeada” pelo corredor durante longas viagens para melhorar o fluxo sanguíneo, a ginasta teve uma ideia bem melhor.

O vídeo em que ela fica de pé no assento e depois se inclina para que sua cabeça toque seus pés, já ganhou quase 300.000 visualizações.

No final da gravação, a ginasta finaliza apertando o cinto de segurança enquanto ainda está nessa posição e dá um sorriso para a pessoa que está filmando.

“Na verdade, é assim que os assentos das companhias aéreas são projetados para as pessoas caberem”, disse um internauta.

Enquanto outro zombou dos assentos de uma companhia aérea europeia: “Muito bem, mas ela pode fazer igual em um voo da Ryanair? Esse é um verdadeiro desafio.”

A ginasta profissional estava a caminho da Polônia quando fez a acrobacia, que se tornou viral.

0
0
Continuar lendo

Você viu?

Após abalar América Latina, terremoto revela montanhas enormes nas profundezas da Terra

Um forte terremoto, que atingiu a Bolívia em 1994, ajudou um grupo de pesquisadores a estudar uma “fronteira” entre o manto superior e inferior da Terra.

ubiie Redação

Publicado

em

Os geólogos descobriram com a pesquisa, publicada na revista Science, que essa estrutura é coberta por enormes picos de montanhas e fendas profundas.

“O limite entre as camadas do manto era muito mais grosso do que a superfície do planeta. As colinas subterrâneas, falando figurativamente, eram mais altas do que os Apalaches ou as Montanhas Rochosas. Não podemos calcular com precisão sua altitude, mas eles parecem ser mais altos do que qualquer pico de montanha na Terra”, disse o autor do estudo, Wenbo Wu, do Instituto de Geodésia e Geofísica de Wuhan, na China.
A estrutura interna da Terra é constituída por três camadas que incluem a crosta terrestre, o manto semilíquido e o núcleo de metal fundido. A crosta é dividida em placas tectônicas, que “flutuam” lentamente e colidem entre si. Esse processo resulta na formação de terremotos e de vulcões ativos nos pontos de colisão das placas.

Ao analisar os dados disponíveis sobre o terremoto de junho de 1994 na América Latina, mais especificamente no território da Bolívia, geólogos determinaram que os fortes sismos atingiram a camada final. Tais informações foram possíveis graças a estações sismográficas que obtiveram um “mapa de relevo”.

Descobriu-se que a estrutura é incrivelmente áspera, até mais do que a camada superior da Terra. Wu explica que, a uma profundidade de 660 quilômetros, a topografia é mais irregular do que as Montanhas Rochosas ou os Apalaches.

Apesar do estudo não ter determinado a altura exata dessas depressões e picos, os cientistas não descartam a hipótese de as montanhas serem ainda mais altas do que qualquer outra na superfície do nosso planeta.

De acordo com os pesquisadores, a presença desse relevo na camada inferior do manto sugere que suas rochas basicamente não estão misturadas com a parte superior da litosfera e que permanecem nesse estado desde a formação da Terra.

Essa análise permitirá que geólogos entendam a formação e origem do planeta no início da vida do Sistema Solar.

0
0
Continuar lendo

Você viu?

Para não ser identificado, ganhador de loteria recebe prêmio mascarado

Identificado apenas como A. Campbell, vencedor demorou 54 dias para retirar o cheque

ubiie Redação

Publicado

em

Para evitar assaltos ou sequestros, um homem vencedor de uma loteria na Jamaica resolveu receber o prêmio usando uma máscara do personagem do filme “Pânico”. Ele ganhou 158 milhões de dólares jamaicanos (R$ 4,3 milhões).

Identificado apenas como A. Campbell, o ganhador demorou 54 dias para retirar o cheque, segundo divulgou a empresa Supreme Ventures, que opera a loteria no país.

Ao site Jamaica Star, Campbell disse que ficou doente após vencer a loteria, em novembro, e só conseguiu receber o prêmio em 5 de fevereiro, quando afirmou que já se sentia melhor.

O vencedor contou, ainda, que pretende comprar uma nova casa para morar. “Eu tenho um pequeno negócio e planejo fazê-lo maior, comprar um apartamento. Eu amo ter dinheiro “, disse.

Outros ganhadores da loteria na Jamaica passaram a buscar o prêmio usando máscaras para evitar que sejam identificados e assaltados. No ano passado, uma mulher usou uma máscara de emoj sorrindo e piscando.

0
0
Continuar lendo
Publicidade
1USD
United States Dollar. USA
=
110,59
JPY +0,01%
3,73
BRL +0,85%
1EUR
Euro. European Union
=
125,21
JPY +0,25%
4,23
BRL +1,08%
1BTC
Bitcoin. Crypto-currency
=
422.859,76
JPY +4,73%
14.268,43
BRL +5,52%

Tokyo
Partly Cloudy
MonTueWed
min 5°C
12/6°C
17/7°C

São Paulo
26°
Mostly Cloudy
MonTueWed
28/21°C
28/20°C
28/20°C

Arquivos

Facebook

Publicidade

Mais vistas da semana