Siga-nos

Mundo

84

Tempo estimado para a leitura: 2minuto(s) e 50segundo(s).

China está preocupada que inteligência artificial possa levar a novas guerras

Especialistas chineses estão preocupados por as tentativas de integrar a inteligência artificial em armas e equipamentos militares poderem levar à guerra entre nações, informou um novo relatório publicado pelo Centro para uma Nova Segurança Americana (CNAS).

ubiie Redação

Publicado

em

Segundo o relatório, as autoridades chinesas consideram a inteligência artificial como uma ameaça à paz global porque esta já foi integrada nos serviços militares e de comunicação. O desenvolvimento da inteligência artificial poderia minar as normas internacionais de comunicação entre os países, gerando confusão e possíveis conflitos.

“O cenário específico descrito por mim [por um funcionário anônimo chinês] é uma escalada não intencional relacionada ao uso de um drone”, revelou ao portal The Verge Gregory C. Allen, analista do CNAS.

Allen disse que a China está preocupada com os drones norte-americanos, que se tornaram menores e automatizados. Por outro lado, a China está ela própria sendo “mais agressiva no que se refere à introdução de maiores níveis de autonomia, mais perto do uso letal da força”, revelou Allen. Um exemplo é o drone Blowfish A2, que a China exporta internacionalmente e que, segundo o analista, é anunciado como um drone capaz de ser totalmente autônomo.

Ele também destacou que os países ainda precisam definir “as normas do conflito armado” para os sistemas autônomos, pois essa incerteza pode se tornar uma “ameaça real e legítima”.

Outra parte do relatório do CNAS analisa uma série de outras preocupações do governo chinês. De acordo com ele, Pequim reconhece que as duas únicas superpotências na área de inteligência artificial são os EUA e a China, e cada país tem seus próprios pontos fortes e fracos. A China tem acesso a mais dados, por exemplo, e tem potencial para ultrapassar a tecnologia ocidental, enquanto os EUA têm uma liderança significativa no desenvolvimento da tecnologia de chips — um componente vital das enormes séries de dados necessários para criar aplicativos de inteligência artificial.

Allen também destacou que há uma possibilidade de aumentar a cooperação internacional entre os EUA e a China na esfera da guerra moderna. As autoridades norte-americanas tendem a ser menos bem informadas sobre suas contrapartes chinesas, em parte porque muitos documentos políticos chineses nunca são traduzidos para o inglês.

1
0
Clique para comentar
Publicidade

Mundo

Doações para reconstrução de Notre-Dame somam US$ 900 milhões

O incêndio devastou a estrutura histórica, destruindo a torre e de dois terços do teto

ubiie Redação

Publicado

em

Doações estão sendo feitas em todo o mundo visando reconstruir a Catedral de Notre-Dame, em Paris, que foi seriamente danificada por um incêndio. Segundo a imprensa francesa, já foram arrecadados 900 milhões de dólares.

O incêndio – ocorrido na segunda-feira, dia 15 – devastou a estrutura histórica, destruindo a torre e de dois terços do teto.

Empresas da França são líderes em contribuições para os esforços de captação de recursos.

Um conglomerado de produtos de luxo, o fundador de uma grande empresa de cosméticos e uma petroleira, entre outros, se comprometeram a fazer doações substanciais.

Universidades e uma gigante de tecnologia da informação dos Estados Unidos também contribuíram.

Mais de 1.500 pessoas em 50 países também efetuaram doações no valor de 80 mil dólares até o momento em um site de arrecadação na internet aprovado por autoridades francesas.

O presidente da França, Emmanuel Macron, se comprometeu a reconstruir a catedral em cinco anos, quando Paris sediará os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Verão.

Macron estimou que serão necessários 850 milhões de dólares para a reconstrução. No entanto, ainda não está claro quanto tempo vai levar para reconstruir Notre-Dame.

De acordo com especialistas, o trabalho pode levar décadas.

0
0
Continuar lendo

Mundo

Ex-presidente do Peru morre após dar tiro na cabeça ao ser preso

Alan García era acusado de corrupção em caso envolvendo a empresa brasileira Odebrecht

ubiie Redação

Publicado

em

O ex-presidente do Peru Alan García morreu hoje (17) durante cirurgia, depois de dar um tiro na cabeça ao receber ordem de prisão em sua casa, no bairro Miraflores, em Lima. Ele era acusado de corrupção em caso envolvendo a empresa brasileira Odebrecht. García foi levado com urgência ao Hospital Casimiro Ulloa, na capital peruana, mas não resistiu.

De acordo com informações médicas, o ex-presidente, 69 anos, teve três paradas cardíacas e foi reanimado. Ele deu entrada no hospital às 6h45, com perfurações de entrada e saída de bala no crânio.

O presidente do Peru, Martín Vizcarra, lamentou no Twitter a morte de Alan García. “Consternado com a morte do ex-presidente. Envio minhas condolências à família e pessoas queridas”, escreveu.

0
0
Continuar lendo

Mundo

Coreia do Norte anuncia teste com nova arma táctica

O teste foi supervisionado por Kim Jong-un

ubiie Redação

Publicado

em

A Coreia do Norte anunciou que testou um novo tipo de arma táctica guiada nesta quarta-feira (17). A informação foi confirmada pela KCNA, a agência de notícias norte-coreana. O lançamento desta nova arma foi supervisionado por Kim Jong-un.

Segundo a KCNA, o líder da Coreia do Norte disse que o “desenvolvimento deste sistema de armas serve como um evento de grande significância no aumento do poder de combate do Exército do Povo”.

O anúncio deste lançamento de uma nova arma segue-se às notícias que circulavam nos meios de comunicação internacionais e que davam conta de um aumento de atividade no centro de pesquisa de mísseis do regime de Pyongyang.

0
0
Continuar lendo
Publicidade
1USD
United States Dollar. USA
=
111,94
JPY +0,02%
3,94
BRL +0,21%
1EUR
Euro. European Union
=
126,01
JPY +0,14%
4,43
BRL +0,32%
1BTC
Bitcoin. Crypto-currency
=
601.621,15
JPY +1,32%
21.157,02
BRL +1,51%

Tokyo
16°
Mostly Cloudy
TueWedThu
23/16°C
21/18°C
24/17°C

São Paulo
22°
Mostly Cloudy
MonTueWed
min 20°C
26/19°C
27/19°C

Arquivos

Facebook

Publicidade

Mais vistas da semana