Siga-nos

Esportes

43

Tempo estimado para a leitura: 1minuto(s) e 28segundo(s).

Lutadora do UFC reage a assalto e domina ladrão com ‘mata-leão’

A arma que o suspeito portava era de papelão

ubiie Redação

Publicado

em

Um ladrão que tentou roubar o celular da lutadora Polyana Viana, do UFC, não teve um final feliz. A vítima, ao perceber que o suspeito não teria tempo suficiente para sacar a arma, reagiu ao assalto, no último sábado (5), em Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio. O rapaz terminou sendo dominado por Polyana, que esperava um Uber na porta de casa.

“Quando ele viu que eu tinha percebido a presença dele, ele estava bem perto de mim. Ele me perguntou as horas. Eu disse, mas vi que ele não foi embora. Então pus o celular na minha cintura. Aí me me disse: ‘Me passa o celular. Não tente reagir, estou armado’. Ele pôs a mão sobre o parecia ser uma arma, mas percebi que estava maleável. Ele estava bem perto de mim. Foi quando pensei: se é uma arma, ele não terá tempo de sacá-la. E dei dois socos e um chute. Ele caiu e o detive com um mata-leão”, explicou a lutadora.

Segundo informações do “O Globo”, o ladrão foi mantido dominado com uma chave de braço até a chegada a polícia. Ainda conforme a reportagem, a “arma” era feita de papelão.


Assaltante disse que estava armado quando abordou a lutadora do UFC


Polyana reagiu ao assalto com socos, chutes e, por fim, um mata-leão

0
0
Clique para comentar
Publicidade

Futebol

Brasil fecha o ano na 3ª posição do ranking da Fifa; veja o top 10

O Brasil terminou o ano logo à frente da Croácia, vice-campeã do mundo

ubiie Redação

Publicado

em

O ranking da Fifa foi atualizado pela última vez neste ano, em listagem divulgada nesta quinta-feira pela entidade, e confirmou a manutenção da Bélgica como líder, mesmo posto que o país ocupava no mês passado. Com 1.727 pontos, os belgas estão um mísero ponto à frente da França, vice-líder, enquanto o Brasil continua na terceira posição, com 1.676.

A seleção belga fecha 2018 com este status no ranking depois de ter sido terceira colocada da Copa do Mundo da Rússia, na qual os franceses se sagraram bicampeões. A França, por sinal, foi destacada nesta quinta pela Fifa como o time nacional de “melhor trajetória do ano” e que subiu o maior número de pontos (165) desde dezembro de 2017.

A Bélgica, por sua vez, foi qualificada pela Fifa com a distinção de “seleção do ano” no que diz respeito ao seu ranking. O órgão lembrou que os belgas ganharam 13 dos 17 jogos que disputaram no ano e só foram derrotados uma vez, pela Suíça, em confronto válido pela recém-criada Liga das Nações da Uefa.

Eliminado nas quartas de final da Copa da Rússia justamente pela Bélgica, o Brasil terminou o ano logo à frente da Croácia, vice-campeã do mundo, quarta colocada do ranking, com 1.634 pontos. Batida pelos belgas na decisão do terceiro lugar do Mundial, a Inglaterra fecha o Top 5, com 1.631 pontos.

Portugal, Uruguai, Suíça, Espanha e Dinamarca encerram, nesta ordem, o grupo dos dez primeiros colocados da listagem, que não contou com alterações de posições em seu Top 100 nesta quinta-feira, tendo em vista o fato de que não houve confrontos relevantes entre seleções após a atualização anterior da listagem, ocorrida em 29 de novembro.

Grande vencedora do ano, a França ganhou 12 dos 18 jogos que disputou com a sua seleção principal, sendo o mais importante deles o triunfo obtido sobre a Croácia na decisão da Copa. E os franceses só foram derrotados por duas vezes em 2018, em partidas contra Colômbia e Holanda. A próxima atualização do ranking da Fifa ocorrerá em 7 de fevereiro de 2019.

Confira a lista dos 20 primeiros colocados do ranking da Fifa:

1º Bélgica, 1.727 pontos

2º França, 1.726

3º Brasil, 1.676

4º Croácia, 1.634

5º Inglaterra, 1.631

6º Portugal, 1.614

7º Uruguai, 1.609

8º Suíça, 1.599

9º Espanha, 1.591

10º Dinamarca, 1.589

11º Argentina, 1.582

12º Colômbia, 1.575

13º Chile, 1.565

14º Suécia, 1.560

14º Holanda, 1.560

16º Alemanha, 1.558

17º México, 1.540

18º Itália, 1.539

19º País de Gales, 1.525

20º Polônia, 1.518

20º Peru, 1.518

0
0
Continuar lendo

Esportes

Aos 38 anos, Nicholas Santos conquista bicampeonato mundial na China

O feito faz de Nicholas Santos o nadador mais velho a conquistar um título mundial em piscina curta

ubiie Redação

Publicado

em

O nadador Nicholas Santos conquistou a medalha de ouro nos 50 metros borboleta do Mundial de Natação em Piscina Curta (25 metros), realizado em Hangzhou, na China. Na manhã deste sábado (horário de Brasília), o brasileiro de 38 anos cravou 21s81, recorde da competição.

O feito faz de Santos o nadador mais velho a conquistar um título mundial em piscina curta. É a segunda medalha de ouro que o brasileiro conquista na prova, já que ele também foi campeão nos 50 metros borboleta em 2012, na edição do torneio disputada em Istambul, na Turquia. Sobre a possibilidade de disputar a Olimpíada de Tóquio, em 2020, o campeão se esquivou.

“Vou aproveitar hoje, 2018 foi sensacional, tenho a agradecer meu clube (Unisanta) e patrocinadores, agora é curtir a conquista e esperar acabar o ano”, disse o atleta, que vai ter 40 anos quando a competição no Japão acontecer. Neste sábado, Nicholas abriu vantagem antes da virada e administrou a vantagem até o fim, apesar da aproximação do sul-americano Chad Le Clos.

“Estou feliz demais. O Chad incomoda toda vez, mas consegui ser bicampeão nessa prova”, disse Nicholas em entrevista ao canal SporTV, concedida logo depois da prova. O nadador foi 16 centésimos mais rápido do que o sul-africano, medalhista de prata, e terminou 57 segundos à frente de Dylan Carter, atleta de Trinidad e Tobago que ficou com o bronze.

“A parte mais chatinha foi nadar revezamento, entrar na piscina de soltura e vestir traje premiação para receber medalha antes da minha prova”, relatou Nicholas. Mais cedo neste sábado, o nadador conquistou a medalha de bronze no revezamento 4×50 medley, em parceria com Guilherme Guido, Felipe Lima e Cesar Cielo.

“Importante para o time, que é um time de veteranos e mostra que podemos chegar bem em Tóquio e importante para mim também. Bati na trave duas vezes e agora deu tudo certo”, disse Guido depois da conquista. O Brasil terminou a prova com o tempo de 1min31s49, mais lento apenas que os Estados Unidos (1min30s90) e a Rússia (1min30s54).

0
0
Continuar lendo

Futebol

Ronaldinho entrega passaporte à Justiça e suspende viagens para fora

O irmão do ex-jogador, o empresário Assis, também devolveu o documento

ubiie Redação

Publicado

em

Ronaldinho e o empresário Assis, irmão do ex-craque, finalmente entregaram seus passaportes à Justiça, conforme determinação ocorrida em 31 de outubro. A devolução dos documentos ocorreu neste último fim de semana, quando a dupla desembarcou no Brasil após um longo período viajando pelo exterior, e foi confirmada pelo Ministério Público.

Ronaldinho e Assis tiveram que entregar os documentos por não cumprirem uma sentença da Justiça do Rio Grande do Sul. Quando a ordem foi emitida, eles não estavam no país. Durante esse período, os irmãos tentaram derrubar a medida, mas o caso não chegou a ser julgado pelo STJ.

De acordo com o UOL, antes de retornar ao Brasil, Ronaldinho visitou países da Europa, Ásia e África. O retorno dele ao país aconteceu por conta de compromissos profissionais. O ex-jogador participou de um evento em São Paulo, no domingo (9), e não quis falar com a imprensa.

Ronaldinho e Assis foram condenados por crime ambiental por conta de uma construção ilegal de um trapiche (rampa para atracar embarcações náuticas) na orla do Lago Guaíba, área de preservação permanente.

0
0
Continuar lendo
Publicidade
1USD
United States Dollar. USA
=
109,62
JPY –0,05%
3,75
BRL +0,01%
1EUR
Euro. European Union
=
124,69
JPY +0,03%
4,27
BRL +0,09%
1BTC
Bitcoin. Crypto-currency
=
389.237,64
JPY +0,20%
13.323,09
BRL +0,26%

Tokyo
Sunny
MonTueWed
10/2°C
11/1°C
11/3°C

São Paulo
23°
Fog
SunMonTue
min 22°C
32/22°C
29/22°C

Arquivos

Facebook

Publicidade

Mais vistas da semana