Siga-nos

Famosos

247

Tempo estimado para a leitura: 1minuto(s) e 30segundo(s).

Sem programa na TV pela 1ª vez, Angélica desabafa: ‘Bateu angústia’

A apresentadora só deve voltar ao ar no ano que vem

ubiie Redação

Publicado

em

Com uma das carreiras mais consolidadas da TV brasileira, Angélica nunca ficou um ano longe das telinhas desde 1987. Em seus tempos áureos, a loira chegou a apresentar três programas na Globo, e agora, pela primeira vez em 30 anos ela está sem projeto e só deve voltar ao ar no ano que vem.

“Quando foi decidido que o Estrelas iria acabar, e a gente não tinha perspectiva de outro programa, é claro que bateu uma angústia. Acaba rolando uma abstinência. Nos dois primeiros meses ficou um vácuo. Você fala: “Ué? Como vai ser agora?”, declarou Angélica ao Notícias da TV.

A apresentadora, no entanto, considera a pausa postiva para pensar no que construiu e nos novos sonhos. “É uma oportunidade de, aos 44 anos, vou fazer 45 agora, poder parar e pensar um pouco na minha carreira. Pensar um pouco no que o público quer, no que as pessoas esperam de mim, no que eu espero do meu futuro”, continuou ela.

“Quando a gente faz tudo no automático, não é bacana. E eu estava fazendo muito no automático. O Estrelas foi muito legal, tive meus filhos nesse período, o programa casou superbem com a construção da minha família, com a maternidade. Mas era muito automático. Eu estava na zona de conforto, como dá pra perceber”, avalia Angélica sobre o programa que ficou 12 anos no ar.

0
0
Clique para comentar
Publicidade

Famosos

Delegado diz que vídeo atribuído a Paolla Oliveira é crime contra honra

Para o delegado Pablo Sartori, o caso do vídeo íntimo atribuído a atriz é um crime contra honra

ubiie Redação

Publicado

em

O delegado Pablo Sartori, titular da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática do Rio Janeiro, afirmou nesta segunda-feira (15) que investigará crime contra a honra da atriz Paolla Oliveira.

Oliveira esteve na delegacia na tarde desta segunda-feira para prestar queixa sobre a veiculação de um vídeo pornô no qual a atriz foi apontada como participante.

O vídeo de dez segundos mostra uma atriz pornô americana bastante semelhante a Oliveira e tem viralizado por redes sociais e por aplicativos de bate-papo. A equipe de defesa de Paolla Oliveira identificou a mulher como Verônica Radke. O trecho do vídeo, segundo o advogado da atriz brasileira, foi retirado de um filme pornô já existente e mais antigo, de mais de seis minutos.

“Este é um crime contra a honra e infelizmente a pena é baixa no Brasil”, disse Sartori. A pena máxima prevista é de um ano de prisão.

O delegado afirma também que não se pode confundir o caso de Paolla Oliveira com os crimes enquadrados na Lei Carolina Dieckmann, que prevê a invasão de dispositivos de informática e que, segundo ele, está completamente em desuso. “Hoje em dia ninguém mais invade dispositivo. Invade-se a rede”, diz.

“Este é um crime contra a honra, pois não tem previsão na nossa lei de um crime específico para isso. Há um crime que se criou recentemente, sobre a divulgação de fotos de nudez e cenas de sexo, mas o caso da Paolla só seria enquadrado aqui caso o vídeo fosse de fato dela”, explica.

Mesmo aqueles que divulgaram o vídeo dizendo que apenas achavam que as cenas eram de Paolla Oliveira poderão ser condenados, segundo o delegado. “Essa pessoa também está ofendendo a atriz e não tomou os cuidados necessários para checar se as imagens eram dela ou não.”

Paolla Oliveira estava acompanhada de seu advogado, Ricardo Brajterman, quando foi à delegacia para prestar a queixa. A atriz quer identificar o narrador do vídeo que diz que a mulher nas imagens é ela e também as pessoas responsáveis por fazer o upload das imagens.

A atriz, que não quis falar com os jornalistas presentes na delegacia, foi recentemente às redes sociais desabafar sobre o caso. “Em dois minutos de pesquisa, qualquer pessoa que teve acesso a isso descobriria. NÃO SOU EU, É OUTRA MULHER”, escreveu ela, chateada por alguns veículos de imprensa falarem do vídeo e usarem a palavra “supostamente” para explicar o caso.

Não é a primeira vez que Paolla Oliveira se vê diante de uma polêmica como essa. Em 2018, Oliveira teve fotos nua vazadas enquanto gravava a série Assédio. Na época, ela se revoltou. “Sou atriz e estou trabalhando em uma série que se chama Assédio, uma produção da Globo com a O2Filmes. Em um ambiente controlado, fechado e profissional, um criminoso (não há outra palavra que o defina – pois o que foi feito é crime) resolveu fazer fotos clandestinas de um momento mais sensual.”

Oliveira está no ar agora como a influenciadora digital Vivi Guedes, em “A Dona do Pedaço” (Globo).

0
0
Continuar lendo

Famosos

Acusada de fraude, Xuxa poderá pagar R$ 50 milhões de indenização

A apresentadora está envolvida em dois processos na Justiça!

ubiie Redação

Publicado

em

A apresentadora Xuxa Meneghel se envolveu em uma briga na Justiça e está sendo processada pelo empresário Leonardo Soltz, que alega que a empresa da famosa copiou os personagens de um projeto que ele havia apresentado a ela. A loira corre o risco de ver seus sigilos (bancário e fiscal) quebrados, além de ter de pagar uma indenização que pode chegar a mais R$ 50 milhões.

Segundo informações da colunista Fábia Oliveira, do jornal ‘O Dia’, Xuxa é acusada de ter copiado a ideia e ter usado os personagens em formato de licenciamento para uma linha completa de produtos de vários segmentos. Soltz já ganhou a ação, mas a apresentadora vem tentando recorrer da decisão.

Xuxa ainda é acusada por seu ex-sócio, Luiz Claudio Lopes Moreira, de estar esvaziando o patrimônio de uma de suas produtoras e passando os valores para outra, dela também, como maneira de se prevenir contra o pagamento de indenizações e, segundo o autor da ação, diminuindo o valor da sociedade da qual o mesmo faz parte. A acusação já solicitou a ‘quebra de sigilo fiscal e bancário da Xuxa Produções’.

Ainda segundo a publicação, os cálculos preliminares da perita assistente do caso dão conta de que os números podem chegar a mais de R$ 50 milhões, com possíveis registros e documentos a serem apurados pelos trabalhos periciais. Procurada, a assessoria de Xuxa disse que não comenta notas que envolvam a Justiça.

0
0
Continuar lendo

Famosos

Homem cria confusão ao tirar selfie perto de Meghan Markle

O homem tentou tirar uma foto do estádio em Wimbledon e acabou passando por uma situação inusitada

ubiie Redação

Publicado

em

Enquanto assistia ao Torneio de Wimbledon no Reino Unido, acompanhando uma partida de sua amiga e jogadora Serena Williams, Meghan Markle, 37, acabou se envolvendo em uma breve confusão.

Um homem, que também assistia à partida, resolveu tirar uma selfie com o estádio ao fundo, mas, por ter se aproximado muito de Markle, deu a entender que estava fotografando a duquesa de Sussex.

A equipe de segurança de Markle notou o indivíduo e, sem perceber que se tratava de uma selfie, repreendeu o rapaz.

Um funcionário envolvido na organização do evento chegou a dizer ao jornal britânico The Times que a visita de Markle foi “um pesadelo”.

Já um representante do clube All England Lawn Tennis and Croquet disse que a visita era um privilégio: “Ela é sempre bem-vinda para participar do Campeonato”.

0
0
Continuar lendo
Publicidade
1USD
United States Dollar. USA
=
107,93
JPY 0,00%
3,76
BRL 0,00%
1EUR
Euro. European Union
=
121,18
JPY 0,00%
4,23
BRL 0,00%
1BTC
Bitcoin. Crypto-currency
=
1.043.884,20
JPY 0,00%
36.396,73
BRL 0,00%

Tokyo
26°
Mostly Cloudy
ThuFriSat
28/23°C
28/24°C
28/23°C

São Paulo
12°
Mostly Cloudy
WedThuFri
min 10°C
20/10°C
22/11°C

Arquivos

Facebook

Publicidade

Mais vistas da semana