Siga-nos

Mundo

173

Tempo estimado para a leitura: 1minuto(s) e 33segundo(s).

Mais um terremoto abala Lombok, na Indonésia; mortos já são 319

O sismo desta quinta-feira foi de magnitude 5,9; o número de mortos no tremor de domingo chegou a 227

ubiie Redação

Publicado

em

A Ilha turística de Lombok, na Indonésia, foi atingida por mais um terremoto, nesta quinta-feira (9). De acordo com o Instituto Geológico dos Estados Unidos (USGS), o tremor registrado foi de magnitude 5,9.

O epicentro do terremoto foi a 10 km de profundidade e a 23 km de Mataram, capital a província, ainda segundo o USGS. No entanto, os serviços indonésios afirmam que o novo tremor teve magnitude 6,2, ocorrido numa profundidade de 12 km.

Sutopo Purwo Nugroho, porta-voz da Agência Nacional de Gestão de Desastres da Indonésia, disse no Twitter que o tremor desta quinta abalou os edifícios que já estavam quebrados e apavorou as pessoas pelas ruas.

Esse foi terceiro terremoto que acontece no mesmo local em 13 dias. O primeiro foi no dia 28 de julho e o segundo ocorreu em 5 de agosto.

A agência France-Presse afirmou também nesta quinta que o número de mortos do terremoto de domingo (5) chegou a 319.

O número de pessoas hospitalizadas saltou para 1.467 as pessoas, enquanto os desabrigados são 156 mil.

Por conta de sua localização, no “Anel de Fogo do Oceano Pacífico, a Indonésia é propensa a terremotos. Em dezembro de 2004, um terremoto de magnitude 9,1 na costa de Sumatra provocou um tsunami que matou 230 mil pessoas em vários países.

0
0
Clique para comentar
Publicidade

Mundo

Brasileira é sequestrada e estuprada por 4 homens na Itália

ubiie Redação

Publicado

em

Uma brasileira de 40 anos de idade foi sequestrada, agredida e estuprada por quatro homens em Gênova, na Itália, na noite da última quinta-feira (14), data em que foi celebrado o “Dia de São Valentim” em vários países, informou a imprensa italiana neste sábado (16).

O caso ocorreu na via Martiri del Turchino, no popular bairro Cep de Gênova, no apartamento de um italiano, de 50 anos, que contou com a ajuda de três marroquinos, sendo dois de 25 e um de 30 anos, para realizar o crime. Os quatro homens foram detidos pela polícia local. A vítima, que não teve a identidade revelada, foi resgatada pelas autoridades e levada para um hospital da região, onde contou detalhes sobre o episódio.

e acordo com a brasileira, os homens amarraram seus pulsos e tornozelos com uma fita adesiva para evitar sua fuga. No entanto, ela conseguiu se libertar e ligar para um vizinho no meio da noite, que a encontrou “aterrorizada” e com o “rosto inchado”. Ainda conforme o relato, enquanto o vizinho ligava para as autoridades, a vítima ficou escondida atrás de um carro estacionado na frente do prédio, mas os agressores a encontraram e a arrastaram de volta para o apartamento, local onde a polícia a resgatou.

Segundo os agentes, na residência tinha diversas varas, que foram usadas para espancar a mulher. A brasileira ainda revelou que conhecia um dos marroquinos de visitas que fizera a Milão. Ela informou que o homem havia lhe pedido hospitalidade em Gênova por alguns dias. A polícia ainda investiga o caso. (ANSA)

0
0
Continuar lendo

Mundo

Avião com 189 pessoas a bordo derrapa em pista na Indonésia

Não houve feridos; pista teve de ser encerrada temporariamente

ubiie Redação

Publicado

em

Um avião da companhia aérea Lion Air, com 182 passageiros e sete membros de tripulação a bordo, derrapou, neste sábado (16), em uma pista do aeroporto internacional de Supadio, na ilha do Bornéu, Indonésia.

O incidente com o Boeing 737-800NG teria sido causado pelas chuvas intensas que atingem a região.

Ninguém se feriu. A aeronave precisou ser evacuada e a pista encerrada temporariamente, como conta a ‘Reuters’.

Em outubro do ano passado, um avião da mesma companhia caiu no mar, causando a morte de 189 pessoas. Investigações posteriores apontaram a existência de falhas de segurança no avião.

0
0
Continuar lendo

Mundo

Quase 2 mil pessoas evacuadas por causa de bomba da 2ª Guerra Mundial

Artefato estava enterrado, entre o norte de Paris e a cidade vizinha de Saint Denis, desde que foi lançado, em abril de 1944

ubiie Redação

Publicado

em

Cerca de 1.800 moradores do norte de Paris e da cidade vizinha de Saint Denis foram retirados da região, hoje (17), para que as autoridades neutralizassem uma bomba da Segunda Guerra Mundial. O artefato, estava enterrado desde que foi lançado, em abril de 1944.

A operação deverá estar concluída ao início da tarde, uma vez que os especialistas farão explodir a bomba num buraco de sete metros de profundidade, protegido com sacos de terra, para tentar minimizar eventuais impactos.

O artefato também foi transferido do lugar onde foi encontrado, a 70 metros de distância, na manhã deste domingo.

A bomba, de fabricação norte-americana, provavelmente lançada por um avião britânico quando Paris estava ocupada pelos nazistas, na primavera de 1944, foi localizada no último dia 4, durante a execução de obras perto de um dos corredores ferroviários da entrada da capital francesa.

A retirada dos habitantes daquela zona, num perímetro de 300 metros em redor do local onde ocorre a operação, realizou-se entre as 6h e as 8h locais (3h e 5h do Brasil).

Além disso, as autoridades interromperam a circulação de veículos em boa parte das vias rodoviárias que atravessam a área, incluindo uma rodovia. Encerraram também linhas de metrô e trens, afetando ligações de alta velocidade internacionais, com destino a Londres e Bruxelas.

0
0
Continuar lendo
Publicidade
1USD
United States Dollar. USA
=
110,74
JPY +0,03%
3,77
BRL +0,01%
1EUR
Euro. European Union
=
125,65
JPY +0,08%
4,28
BRL +0,06%
1BTC
Bitcoin. Crypto-currency
=
432.869,78
JPY –0,12%
14.729,95
BRL –0,14%

Tokyo
11°
Mostly Cloudy
FriSatSun
min 6°C
13/2°C
12/6°C

São Paulo
21°
Mostly Cloudy
FriSatSun
29/21°C
31/22°C
32/23°C

Arquivos

Facebook

Publicidade

Mais vistas da semana