Siga-nos

smartphone

152

Tempo estimado para a leitura: 3minuto(s) e 24segundo(s).

Samsung cria tela OLED inquebrável

Novo painel OLED inquebrável tem proteção de plástico, é flexível e sobrevive a quedas de até 1,8m sem sofrer nenhum dano.

ubiie Redação

Publicado

em

A Samsung anunciou a produção de um novo painel OLED flexível e inquebrável, em parceria com a Underwriters Laboratories (UL). O título foi recebido após o produto passar por uma série de testes, uma vez que a UL é a empresa oficial de testes para diversos departamentos dos Estados Unidos.

A Samsung espera que ele seja utilizado não apenas em smartphones, mas também em outros produtos eletrônicos que tenham tela, como consoles para automóveis, dispositivos militares, videogames portáteis, tablets, entre outros.

Padrão militar

A UL realizou uma série de testes rigorosos, baseados em padrões militares definidos pelo Departamento de Defesa dos Estados Unidos, para comprovar a qualidade dos novos painéis. Neles, o produto sofreu quedas de 1,2 metros cerca de 26 vezes seguidas e não apresentou nenhum dano na parte frontal, traseira ou laterais.

Outros testes envolviam temperaturas muito baixas e muito altas para testar sua resistência. O painel também passou por testes mais avançados, sofrendo quedas de 1,8 metros, uma altura superior a do padrão militar, e ainda assim não apresentou nenhum tipo de dano.

O painel sobrevive até mesmo a testes caseiros com martelos, como podemos ver no vídeo ao fim da matéria.


Hojung Kim, administrador geral do time de comunicações da Samsung Display, afirmou que o plástico fortificado do painel é perfeito para dispositivos portáteis não apenas pela característica de ser inquebrável, mas por ser leve e tão resistente quanto o vidro

Possível futuro para as Super AMOLED?

Embora o novo painel seja OLED, a Samsung já vem há um tempo utilizando um painel com a tecnologia Super AMOLED em seus smartphones, como é o caso do Galaxy S9, no qual a qualidade da tela pode ser vista em nosso review completo. A diferença básica entre as duas tecnologias é que, enquanto a tela OLED conta com 3 camadas, um cátodo e um ânodo, a tela AMOLED adiciona uma película fina de transistores (TFT) por cima do ânodo. Essa camada extra faz com que o tempo de resposta para a iluminação de pixels seja 3 vezes mais rápida. Na prática, isso significa que esse tipo de tela exibe vídeos com movimentações de forma mais fluida, sem deixar “rastros” na imagem.

A tela AMOLED também é mais econômica e possui uma fidelidade de cor superior em diferentes ângulos. Já as Super AMOLED são ainda melhores, porque além de apresentarem uma quantidade maior de sub-pixels garantindo assim mais intensidade de luz e diferentes cores, elas não precisam da camada de vidro em cima da tela, uma vez que contam com uma camada sensível ao toque. Isso faz com que o aparelho fique mais leve e que os comandos de touch sejam mais fluidos e rápidos. E se a AMOLED já economizava energia, a Super AMOLED aumenta essa economia.

O futuro das telas com OLED

A Samsung utiliza um substrato inquebrável cujo nome não foi revelado, aderido à tela OLED. Ele será capaz de impedir que os aparelhos tenham as telas trincadas ou quebradas em quedas. Isso é importante, pois muitas fabricantes não dão garantia contra esse tipo de dano e o consumidor acaba tendo que pagar um seguro a mais para ter essa segurança.

Por falar nisso, a Samsung foi a principal fornecedora de painéis OLED para o iPhone X no ano passado, e a Apple já anunciou que esse ano isso se repetirá para os iPhones 2018. Só nos resta aguardar para ver se os novos painéis inquebráveis estarão presentes nos novos smartphones que serão revelados em breve pela Samsung e pela Apple.

0
0
Clique para comentar
Publicidade

smartphone

Empresa lança app de segurança para iPhone

Avast Mobile Security para iOS protege fotos em um cofre criptografado, envia notificações de vazamento de senhas e identifica redes Wi-Fi vulneráveis.

ubiie Redação

Publicado

em

AAvast, empresa de produtos de segurança digital, lançou o Avast Mobile Security para usuários do iOS. Disponível nas versões gratuita e premium, o Avast Mobile Security oferece proteção personalizada para usuários de iPhone e iPad, incluindo segurança de identidade, navegação segura e privada, conexão com redes seguras e proteção de dados pessoais, como fotos.

“Apesar da percepção de que os usuários de iPhone e de iPad estão imunes a riscos de segurança, esse não é o caso. Não importa qual é o sistema operacional, para qualquer dispositivo há riscos, desde ameaças via rede até problemas de rastreamento e violação de privacidade”, disse Gagan Singh, vice-presidente sênior e gerente geral para Mobile da Avast. “Como usamos os nossos telefones diariamente, seja para assuntos pessoais ou de trabalho, mais do que nunca é essencial garantir que eles sejam usados de forma segura e privada, independentemente do sistema operacional”, prossegue.

A versão gratuita do Avast Mobile Security oferece aos usuários:

Proteção de Identidade: notifica os usuários se suas informações de login (como senha da conta de e-mail), foram roubadas ou seus dados foram violados. Os usuários da versão gratuita podem utilizar a Proteção de Identidade para uma conta de e-mail. Já com a versão premium é possível fazer uso do recurso para um número ilimitado de contas. A Proteção de Identidade verifica o maior repositório de informações detalhadas de login roubadas da indústria na dark web, que abrange mais de 9 milhões de contas online de milhares de sites violados, tornando-o o maior da categoria quando comparado com sites concorrentes que cobrem apenas algumas centenas de fontes. À medida que novas violações de dados acontecem, elas são adicionadas a esse repositório.

Segurança de Wi-Fi: um recurso gratuito executa múltiplas verificações, para determinar se uma rede Wi-Fi é segura. Também alerta os usuários caso alguma vulnerabilidade seja detectada. A Segurança de Wi-Fi é capaz de detectar problemas como: se o DNS foi invadido e houve o redirecionamento do tráfego da internet do usuário para sites falsos e maliciosos. Também pode detectar se a rede é totalmente segura e se a senha do Wi-Fi ou do roteador é fraca.

Cofre de Fotos: p app gratuito protege até 40 fotos em um cofre criptografado. Já a versão premium, protege uma quantidade ilimitada de fotos. O acesso ao cofre é restrito ao usuário por meio do código PIN, FaceID ou TouchID.

Além de todos os recursos disponíveis na versão gratuita do aplicativo, a versão premium também oferece aos usuários:

Navegação Segura: esse recurso de Rede Virtual Privada (VPN) está disponível para assegurar a privacidade, de forma que ninguém possa espionar ou rastrear o que o usuário de iPhone está fazendo no universo online. A VPN se conectará automaticamente com o servidor que oferecer o melhor desempenho e estiver mais próximo da localização do dispositivo.

O Avast Mobile Security para iOS está disponível para download na Apple Store e tem um preço de assinatura de R$ 15,90 por mês ou R$ 64,90 por ano. Está disponível nos seguintes idiomas: inglês, português (Brasil), francês, espanhol, russo, alemão, italiano, holandês, tcheco e japonês.

0
0
Continuar lendo

smartphone

Novo golpe já afetou 40 mil usuários do WhatsApp

Cibercriminosos utilizaram o nome da rede ‘O Boticário’ para divulgar uma promoção falsa e roubar dados pessoais

ubiie Redação

Publicado

em

Golpistas estão usando o nome da rede ‘O Boticário’ mais uma vez para enganar usuários do WhatsApp. De acordo com a empresa de segurança digital Dfndr Lab, 40 mil pessoas teriam caído no novo golpe em apenas 24 horas.

O UOL Tecnologia noticiou que a ‘isca’ desta vez é uma suposta promoção de Natal na qual a marca estaria dando oferecendo maquiagens. Para ganhar os produtos, a mensagem do golpe diz que os usuários devem fornecer dados pessoais, como nome, CPF e endereço. No final, a mensagem deve ser compartilhada com cinco pessoas. Desta forma, a promoção falsa está viralizando no aplicativo.

A Dfndr Lab divulgou o alerta pois este golpe parece mais sofisticado do que os anteriores ao validar o nome da vítima e o número do CPF. Além disso, o cibercriminoso cadastrou as 3.634 lojas verdadeiras da ‘O Boticário’ no golpe para que as vítimas possam escolher onde retirar os produtos. Estes recursos falsos acabam passando credibilidade, o que pode fazer ainda mais vítimas.

“Esse é um golpe diferenciado e o cibercriminoso de fato teve muito trabalho. A checagem de CPF e o cadastro das lojas o torna muito similar a uma promoção real da marca e, dessa forma, é extremamente difícil para um usuário sem conhecimento técnico identificá-lo como falso”, explica Emilio Simoni, diretor do Dfndr Lab.

0
0
Continuar lendo

smartphone

Você vai adorar esse novo recurso do WhatsApp; confira

Agora, o aplicativo permitirá responder no privado uma mensagem enviada em grupo

ubiie Redação

Publicado

em

Uma nova atualização no WhatsApp vai permitir que os usuários respondam no privado uma mensagem enviada em um grupo. O recurso começou a ser ativado nos dispositivos com a versão mais recente do sistema Android e aos poucos chegará a todos os usuários da ferramenta.

De acordo com o UOL, a nova funcionalidade une duas características já existentes no WhatsApp, a de citar uma mensagem e a de abrir uma nova janela de conversa. Agora, a citação feita no grupo aparecerá na conversa particular, o que ajudará a contextualizar o assunto.

Mas vale ressaltar que as respostas neste sentido só podem ser feitas para a pessoa que enviou a mensagem original. Ou seja, não será possível levar a conversa para um terceiro usuário.

O nova função não tem previsão de ser incorporada nos dispositivos iOS.

0
0
Continuar lendo
Publicidade
1USD
United States Dollar. USA
=
112,75
JPY –0,58%
3,90
BRL –0,38%
1EUR
Euro. European Union
=
127,98
JPY –0,18%
4,43
BRL +0,02%
1BTC
Bitcoin. Crypto-currency
=
399.514,17
JPY +8,92%
13.827,41
BRL +9,10%

Tokyo
Partly Cloudy
TueWedThu
11/3°C
13/4°C
12/4°C

São Paulo
32°
Partly Cloudy
MonTueWed
min 22°C
34/22°C
32/23°C

Arquivos

Facebook

Publicidade

Mais vistas da semana