Siga-nos

pc

219

Tempo estimado para a leitura: 1minuto(s) e 18segundo(s).

Ciberataque afeta mais de 4 mil sites e pode queimar computador

Endereços dos governos dos Estados Unidos, Reino Unido e Austrália estão entre as vítimas

ubiie Redação

Publicado

em

Um ciberataque conhecido por cryptojacking afetou mais de 4 mil sites em todo mundo. O crime consiste no roubo do processamento de computadores para minerar moedas virtuais de forma ilegal.

De acordo com o UOL Tecnologia, hackers exploraram uma brecha no plug-in Browsealoud – que converte textos em áudio. Desta forma, o malware era reproduzido de forma automática e o computador passava a trabalhar para hackers.

Segundo a reportagem, a ação criminosa pode fazer com que os dispositivos fiquem mais lentos, superaqueçam e até queimem.

O consultor de segurança Scrott Helme estima que 4.275 sites tenham sido afetados para minerar a moeda Monero. Endereços do Serviço Nacional de Saúde do Reino Unido, bem como o do Parlamento Australiano estiveram entre os alvos.

0
0
Clique para comentar
Publicidade

pc

Windows 95 é transformado em app que pode rodar no W10, macOS e Linux

ubiie Redação

Publicado

em

Se você já tinha um computador nos anos 1990 e início dos anos 2000, as chances desse esse aparelho ter rodado o Windows 95 são altas. Por isso, essa notícia deve lhe trazer uma boa dose de nostalgia: um desenvolvedor transformou o Windows 95 em um aplicativo que pode rodar no Windows 10, macOS ou Linux como se fosse uma simples janela.

O antigo sistema operacional da Microsoft funciona de forma exemplar, sendo que todos os programas originais e menus funcionam adequadamente, exceto pelo Internet Explorer, que não carrega nenhuma página web.

Ainda assim, vale a pena baixar e instalar essa aplicação simplesmente para você perder umas horinhas fazendo desenhos bobos no Paint ou mesmo jogar Campo Minado. Até porque crianças na época não faziam muito mais que isso em um PC, não é mesmo?

Seja como for, a pessoa a quem você deve agradecer por essa incrível criação é Felix Rieseberg, um dos desenvolvedores do Slack. Ele trabalhou nesse app do Windows 95 em seu tempo livre e liberou no GitHub aplicações feitas em Electron para download.

O mais curioso é que o todo o pacote de download pesa apenas 129 MB, e, quando está sendo executado, o máximo de RAM que esse Windows 95 consome dentro do Windows 10 é 200 MB. Ou seja, ele vai rodar em qualquer máquina que você tenha por aí sem maiores problemas.

0
0
Continuar lendo

pc

Mito ou verdade: papel alumínio melhora o sinal wi-fi?

A ideia é cercar o roteador com papel alumínio, e deixar uma “abertura” na direção em que se deseja ter o sinal mais forte

ubiie Redação

Publicado

em

Pode parecer folclore, mas pesquisadores do Dartmouth College, tradicional instituição norte-americana, concluíram que o uso de papel alumínio ao redor de roteadores pode melhorar o sinal wi-fi em ambientes domésticos ou em pequenos escritórios.

A ideia é cercar o roteador com papel alumínio, e deixar uma “abertura” na direção em que se deseja ter o sinal mais forte. Os roteadores domésticos normalmente são omnidirecionais, ou seja, seu sinal é enviado para todos os lados; ao encontrar a barreira de alumínio, o sinal volta e se concentra na direção da abertura.

Os pesquisadores apresentaram uma solução um pouco mais sofisticada: um aplicativo que calcula um formato ótimo para a barreira em função do layout do ambiente onde ela será instalada. A seguir, esta é produzida por uma impressora 3D e recoberta com papel alumínio, inclusive melhorando a aparência do produto final.

Há ainda uma vantagem adicional: a barreira pode impedir a propagação do sinal para direções não desejadas, aumentando a segurança da instalação.

0
0
Continuar lendo

pc

Google I/O | Chrome OS poderá, em breve, executar aplicativos de Linux

A Google não se esqueceu dos usuários do Chrome OS durante a conferência I/O 2018, que ocorreu nesta terça-feira (8) em Mountain View, na Califórnia.

ubiie Redação

Publicado

em

A empresa anunciou que, em breve, o sistema operacional será capaz de rodar aplicativos projetados para Linux de forma nativa, sem a necessidade de apelar para as “gambiarras” que muitas pessoas fazem atualmente (como a ferramenta não-oficial Crouton, que desliga vários recursos de segurança do SO, tornando-o suscetível a ataques).

Embora a novidade seja empolgante para qualquer pessoa que tenha um Chromebook e queira executar softwares diversos (quem não gosta do Google Docs poderá finalmente usar o Libre Office, por exemplo), a Gigante das Buscas tomou tal decisão com foco na comunidade de desenvolvedores. Com a atualização, será possível trabalhar com kits de desenvolvimento no sistema operacional, desenvolvendo, por exemplo, aplicativos de Android e testando-os no próprio computador portátil.

A solução encontrada pela Google para embutir o Linux no Chrome OS é bem simples — ela simplesmente vai adicionar uma máquina virtual que executará o Debian 9 Stretch, que é a edição mais recente do sistema livre. Os interessados em testar a novidade já podem baixar uma compilação beta que funciona exclusivamente com o Pixelbook; basta configurá-lo para receber as atualizações do canal Dev, mas tenha em mente que a versão de testes é instável e pode apresentar graves bugs.

0
0
Continuar lendo
Publicidade
1USD
United States Dollar. USA
=
112,83
JPY 0,00%
3,75
BRL +0,06%
1EUR
Euro. European Union
=
128,84
JPY –0,02%
4,28
BRL +0,04%
1BTC
Bitcoin. Crypto-currency
=
620.892,90
JPY –0,58%
20.610,78
BRL –0,52%

Tokyo
12°
Partly Cloudy
SatSunMon
min 10°C
16/11°C
16/9°C

São Paulo
26°
Mostly Cloudy
SatSunMon
min 19°C
31/19°C
21/15°C

Arquivos

Facebook

Publicidade

Mais vistas da semana